O que é a solução TDT Complementar (DTH)?

Embora Portugal Continental esteja totalmente coberto com Televisão Digital, existe uma pequena percentagem da população que não terá acesso à televisão digital por via terrestre (TDT) uma vez que não existe viabilidade técnica para a cobertura TDT em todo o território nacional.

Para estas situações, o serviço de televisão digital, com os canais gratuitos nacionais, será assegurado através de uma solução alternativa, ou seja de TDT Complementar via satélite (Direct To Home – DTH).

Para aceder à televisão digital via satélite necessita de um Kit TDT Complementar, que é constituído por um equipamento descodificador DTH, um telecomando, cabos de ligação e um smartcard.

Tal como na TDT, a TDT Complementar (DTH) possibilita uma qualidade de som e de imagem muito superior à disponibilizada pela actual emissão analógica.

As funcionalidades presentes na TDT, estão igualmente disponíveis na TDT Complementar via satélite, nomeadamente o Guia de Programação Electrónico e a Barra de Programação.

A quem se destina a solução TDT Complementar?

A solução TDT Complementar via satélite (Direct To Home – DTH), destina-se principalmente a habitações que não tenham cobertura de televisão digital por via terrestre e estejam em zonas de cobertura TDT Complementar via satélite. No entanto, se a sua habitação estiver numa zona com cobertura TDT mas prefere optar pela solução TDT Complementar, também o poderá fazer.

Confirme se a sua morada está numa zona coberta pela televisão digital via terrestre ou numa zona coberta pela televisão digital complementar via satélite, acedendo à área: Guia de Transição.

Nota: A MEO será responsável em relação aos utilizadores que, tendo comprovadamente sido incorretamente informados pela MEO, incorreram em custos com equipamentos para receção terrestre em zonas que se venha a verificar serem zonas de receção por TDT Complementar.

Caso se comprove que é necessária a instalação de uma solução TDT Complementar na sua morada e que foi incorretamente informado pela MEO em relação ao tipo de cobertura de televisão digital nesse local, poderá solicitar o reembolso dos custos em que incorreu com equipamentos utilizados exclusivamente para a receção da TDT nessa morada. Para uma análise mais célere dessa situação, recomendamos o contacto para a linha gratuita da TDT, 800 200 838.

De forma a comprovar os custos em que incorreu com equipamentos TDT, deverá enviar, por carta, com a indicação de que se trata de um pedido de reembolso por informação incorreta de cobertura, a informação da data (aproximada) em que efetuou a migração para a TDT e da data e local em que foi incorretamente informado relativamente ao tipo de cobertura existente na sua morada, o seu contacto telefónico, bem como cópias legíveis da seguinte documentação:

  • Fatura(s) relativa(s) a equipamento(s) utilizado(s) exclusivamente para a receção TDT;
  • Documento de identificação pessoal (Cartão do Cidadão, Bilhete de Identidade ou Passaporte) – frente e verso;
  • Cartão de Contribuinte, caso não apresente fotocópia do Cartão de Cidadão;
  • Comprovativo de morada do requerente, referente a um dos últimos três meses, designadamente: fatura da luz, água, gás, telefone ou serviços de comunicações eletrónica;
  • Comprovativo de NIB (ou indicação de que não tem conta bancária).

Caso tenha contactado previamente a linha TDT, deverá indicar o número do processo relativo ao seu pedido de reembolso por informação incorreta de cobertura. Esta documentação deverá ser enviada para o seguinte endereço:

TDT
Apartado 1501, EC DEVESAS (VILA NOVA DE GAIA)
4401-901 VILA NOVA DE GAIA

Será posteriormente contactado, para o número de contacto que indicar, para comunicação da decisão relativa ao seu pedido de reembolso ou para solicitação de informação adicional (caso o pedido não se encontre completo).

Estou numa zona de cobertura TDT Complementar via satélite (DTH). Como devo proceder?

Se verificou no Guia de Transição que a sua morada está numa zona de cobertura TDT Complementar via satélite (DTH), para migrar para a Televisão Digital, deverá adquirir o Kit TDT Complementar (descodificador DTH), que permite o acesso à Televisão Digital via satélite.

Onde posso adquirir o Kit TDT Complementar?

Consulte aqui a lista de lojas que actualmente comercializam este equipamento.

Quando se dirigir a uma das lojas indicadas para adquirir o Kit TDT Complementar, deverá levar consigo e apresentar obrigatoriamente os seguintes documentos (não serão aceites cópias dos mesmos):

  • Documento de identificação pessoal (Cartão do Cidadão, Bilhete de Identidade ou Passaporte) ou Registo comercial (no caso de empresas);
  • Cartão de Contribuinte, caso não apresente o Cartão de Cidadão;
  • Comprovativo de morada do adquirente, referente a um dos últimos três meses, designadamente: factura da luz, água, gás, telefone ou serviços de comunicações electrónicas.

Tal como no caso dos descodificadores TDT, será necessário um descodificador DTH para cada televisor em que pretenda ver os canais de televisão nacionais gratuitos e usufruir de todas as funcionalidades da televisão digital.

Para informações sobre o programa de comparticipação a equipamento TDT Complementar, clique aqui.

Instalação do Kit TDT Complementar

O Kit TDT Complementar é vendido em regime de auto-instalação. A antena parabólica e a respectiva cablagem de instalação não se encontram incluídas no Kit TDT Complementar, podendo ser adquiridas em lojas de equipamentos electrónicos.

Após a instalação do Kit TDT Complementar, caso o equipamento não esteja activo e não visualize os canais da televisão digital, deverá contactar a linha gratuita de atendimento TDT, 800 200 838, para solicitar a activação do mesmo.

Se, no entanto, pretender uma sugestão de um instalador habilitado, consulte aqui mais informações.